A dor de Adão...

Lembro quando sentavas ao  meu lado,
me dizia uma a uma os nomes das estrelas
Quando caminhava por entre as flores 
e contava como cada uma foi feita
lembro do Seu olhar de Pai, que me prendia no Seu amor
Lembro das doces palavras, dos segredos ditos só a mim
Ainda posso ver, de olhos fechados à sua chegada no entardecer
a hora mais esperada por mim
lagrimas quentes molham o meu rosto
quando sinto o vento frio, que antes me refrescava
mas, que hoje me castiga
sonho com Sua mão na minha
o Seu calor 
a sua proteção
quando abro os olhos hoje vejo as sombras
que me contam as histórias de um erro
lembram de que sozinho, mudei toda a história
fazem-me acreditar que não ha mais saída...
Mas, vislumbres de Luz invadem as brechas da minha solidão
por instantes ouço a Sua voz
Sei que não me abandonastes
Sinto lá dentro, que existe outro livro
Outra história para começar
Nessa sou resgatado
nas paginas eu apenas sonho com Aquele que por mim venceu
E então o frio volta a me confortar e o calor a me aquecer
o sorriso brota da esperança 
pois ao jardim eu vou voltar... 

Postagens mais visitadas deste blog

Decisão

Transformação

Viver